A NASA pensa em utilizar um rover pressurizado como habitat para os humanos que embarcarem em sua próxima missão tripulada à Lua, possivelmente em 2024. A ideia foi revelada por um engenheiro da agência americana, durante uma videoconferência no último dia 10.

“É como um trailer para a Lua”, disse o diretor interino dos Sistemas Avançados de Exploração da NASA Mark Kirasich. De acordo com ele, o veículo será desenvolvido em parceria com a Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial (JAXA), que por sua vez já tem um projeto em andamento com a Toyota.

O “motorhome lunar” japonês é a alternativa encontrada pela agência espacial americana para lidar com os cortes de financiamento que tem enfrentado nos últimos meses. Ao optar por ele, a instituição não precisaria construir um módulo habitável a partir do zero, conseguindo uma grande economia.

O protótipo do rover lunar, já desenvolvido pela Toyota em parceria com a JAXA, pode passar por algumas modificações para atender à NASA.Fonte: Toyota/Divulgação

O protótipo do rover lunar, já desenvolvido pela Toyota em parceria com a JAXA, pode passar por algumas modificações para atender à NASA.Fonte: Toyota/Divulgação

Conforme o ArsTechnica, o rover lunar deve ser enviado ao satélite natural alguns meses após a missão, chegando até lá por meio de um serviço de entrega de cargas realizado por empresas privadas, para servir de abrigo e transporte. Antes disso, a NASA deve usar veículos mais simples, semelhantes aos modelos das últimas três missões Apollo.

Conceito já foi apresentado

O veículo que a agência americana pretende usar para abrigar os próximos humanos a pisarem na superfície lunar já teve o seu protótipo apresentado por JAXA e Toyota, em 2019.

Na versão inicial, o rover tem 6m de comprimento, 5m de largura e 3,8m de altura, apresentando uma área habitável de aproximadamente 13m². A capacidade é para apenas duas pessoas. Mas em caso de emergência, ele comporta até quatro tripulantes.

Usando tecnologias de carros elétricos com célula de combustível, o veículo de seis rodas seria capaz de percorrer mais de 10 mil quilômetros no solo lunar.

Fonte: Tecmundo