A Amazon lançou uma nova ferramenta de compras em realidade aumentada que permitirá aos compradores ver os móveis e outros itens de decoração da casa antes de fazer a compra. Chamado de “Room Decorator”, o novo sistema chegará ao aplicativo de compras da Amazon no iOS e para navegadores do desktop. Com ele, será possível ver vários itens simultaneamente e em escala. Além disso, você poderá armazenar fotos de sua casa para usar o recurso remotamente, assim como salvar layouts de quartos caso esteja indeciso.

O Room Decorator trabalha com milhares de produtos de decoração, incluindo alguns itens de terceiros, segundo o TechCrunch. No app de compras da Amazon, aparecerá um botão “View in your room” (“Veja no seu quarto”, em português) abaixo dos produtos elegíveis. Layouts salvos aparecerão em uma seção “Suas salas” em sua conta da Amazon, e a empresa enviará um link para você por email para facilitar o acesso.

Room Decorator permite visualizar ambiente em realidade aumentada e inserir móveis para comparação. Imagem: Divulgação/Amazon

Em 2017, a Amazon lançou uma versão parecida, mas que só permitia ver um item por vez em um espaço. Ambas as ferramentas foram construídas com o ARKit da Apple. A Amazon também tem um showroom online que permite colocar itens em uma sala virtual para ver se eles combinam ou não. Caso você se sinta pronto para comprar após a comparação em realidade aumentada, os itens podem ser adicionados ao carrinho diretamente da visualização.

A primeira ferramenta foi desenvolvida pela equipe de móveis da empresa, enquanto o Room Decorator foi criado pela equipe de pesquisa visual da Amazon, e levou mais de um ano para ser completamente aprimorado, de acordo com o TechCrunch. Além da Amazon, a IKEA, rede varejista especializada na venda de móveis, também possui uma ferramenta de compras em realidade aumentada.

Recurso funciona tanto no navegador quanto em dispositivos iOS. Imagem: Divulgação/Amazon

O Room Decorator foi lançado nesta terça-feira (25), mas levará algumas semanas até que o recurso esteja disponível para todos os compradores – restrito apenas aos Estados Unidos por enquanto. Para acessá-lo, será preciso um navegador no computador ou um dispositivo iOS.

Fonte: Olhardigital