Uma nova patente da Apple sugere que os AirPods entenderão, no futuro, o contexto ao seu redor para ajustar o volume da música. Concedida pelo Escritório de Patentes e Marcas dos Estados Unidos na terça-feira (11), ela é chamada de “Sistema de áudio contextual”.

A ideia por trás da patente é tornar os fones de ouvido sem fio também um dispositivo de alerta, principalmente em locais externos. De acordo com o documento, os fones seriam capazes de identificar a localização e atividade como base para alterar o volume do som.

O sistema poderá detectar se um ou os dois fones estão parcialmente inseridos no ouvido ou fora de uso, por exemplo. Quando o usuário estiver ouvindo algo, o áudio poderá ser reduzido ou até mesmo pausado, de acordo com o contexto.

O recurso poderá se aproveitar da nova função de detecção de som do iOS 14. Ele pode identificar e apontar sons de animais, como cachorros e gatos, de campainhas, buzinas e mais.

O que faz a nova patente?

Patente da Apple chamada de “Sistema de áudio contextual”.Fonte:  USPTO/Divulgação

Como descreve a patente, a função nos AirPods seria baseada em contexto. Para um usuário que está com um aplicativo de ciclismo aberto e pedalando ao lado de uma estrada, o sistema ajustaria o áudio e deixaria o som ambiente ter mais propriedade.

Os dados de localização coletados classificam as áreas onde o usuário deve estar alerta, mas também pode se basear em um dispositivo de detecção de movimento, como o Apple Watch. Isso ajudaria no contexto utilizado pelo sistema para ajustar o som.

O Watch poderia identificar se um usuário está movendo-se rapidamente numa estrada, mas também se ele está ou não andando de bicicleta ou dirigindo. Assim, o recurso identificaria se ele é um passageiro em um veículo e manteria o som da mesma forma.

Fone de Ouvido Bluetooth Apple Airpods 2

Com som de qualidade premiada, o Apple Airpods 2 se configura com apenas 1 toque. Além de saber quando estão no seu ouvido, possui carregamento sem fio, se ligam e se desligam automaticamente.

AirPods poderão usar localização para ajustar volume de músicas

Fonte: Tecmundo